Volta para página inicial Conheça o Monza Clube do Brasil Participe do Clube Confira a agenda do Monza Clube Mapa do site A maior montadora do país Um marco na indústria automobilística Parceiros do Monza Clube Shopping Fale Conosco
 
Clique aqui para voltar à página inicial do SOS Auto
..

Os esclarecimentos abaixo são referentes à Carburadores

 
S.O.S. publicado em: 28/01/2008
Enviado por: Thiago Moura (São Paulo, SP)
Características do carro: Monza SL/E 2.0, 1991, álcool

Dúvida: todos os dias pela manhã, mesmo injetando gasolina, o veiculo chega a descarregar a bateria e não pega. Fiquei sabendo que o Monza movido a álcool tem um componente que mantém a base do carburador aquecida. É verdade?

Resposta do consultor técnico Carlos Freire: Thiago, o Monza movido a álcool, a partir de 1987, passou a utilizar uma resistência de pré-aquecimento no coletor de admissão, visando melhorar o desempenho na fase fria do motor. Esse sistema não interfere na partida do motor. Se o veículo está com dificuldade na partida, verifique o sistema de partida a frio, as velas (NGK BPR7ES-11 abertura dos elétrodos de 1,1mm), cabos de velas, rotor, carburador, ponto de avanço inicial e ponto (sincronismo) da correia dentada.

S.O.S. publicado em: 18/04/2005
Enviado por: Josimar de Oliveira (São Paulo, SP)
Características do carro: Monza SL/E 2.0, 1989, álcool

Dúvida: como proceder para regular corretamente a mistura ar-combustível? A respectiva regulagem teria algo a ver com a regulagem do ponto de ignição?

Resposta do consultor técnico Carlos Freire: Josimar, a mistura de ar/combustível é um ajuste e o ponto de ignição é outro.Para regular a mistura  você terá que localizar os parafusos de mistura e o de ar, 
existentes no carburador. O parafuso de "mistura" irá ajustar a altura da borboleta e o parafuso de "ar", na base do carburador, abre ou fecha a entrada de ar. O procedimento: mantenha o motor em aproximadamente 1000 RPM; feche o parafuso de ajuste de ar até o motor começar a balançar e, logo em seguida, volte o mesmo para o motor não morrer; retorne o parafuso até que a rotação do motor fique estável (melhor ponto) e com mais rotação (se voltar muito, o motor comecará a balançar novamente); aperte novamente o parafuso para maior rotação e motor mais estável. Se necessário ajuste o parafuso da mistura (borboleta) para que fique em 1000 RPM. Esse ajuste deverá ser feito com motor quente (temperatura normal de uso). Com relação ao ponto de ignição, na hipótese do distribuidor for original do carro (nunca trocado) e a correia dentada estiver correta, na base do distribuidor você encontrará uma marca (um corte) feito na fábrica. É só coincidir a marca do distribuidor com o cabeçote. Caso o distribuidor tenha sido substituido, o ajuste será possível apenas utilizando-se a lâmpada estroboscópica.

S.O.S. publicado em: 28/06/2002
Enviado por: Alcides Gonçalves de Oliveira (Curitiba, PR)
Características do carro: Monza SL/E 2.0, 1987, álcool

Dúvida: o meu Monza está equipado com um carburador 2E7. Verifiquei que a válvula estilete tem a ponta de uma espécie de borracha (viton) mas, em recentes pesquisas, encontrei uma matéria sobre esse carburador, sendo que, para motores a álcool, essa ponta da válvula estilete seria de aço inoxidável. Devo trocar a minha?

Resposta do consultor técnico Luiz Yoshimura: Alcides, os primeiros carburadores 2E7, como é o seu caso, não tinham como substituir a sede da agulha (somente o seu estilete que é de aço inoxidável) em virtude da mesma ser de latão e encravada na tampa do carburador. Ocorre que a perda da estanqueidade da agulha se dá justamente pelo desgaste ocorrido na sede e, como este originalmente não se troca, a opção viável é a utilização do estilete com a ponta de viton. Tal estilete é muito bom e não era utilizado nos carburadores a álcool devido ao seu custo de fabricação, sendo mais barato se fosse inteiramente de aço inoxidável. É claro que você não deverá substitui-lo pois, do contrário, poderá ter problemas de vedação _o que não ocorre com a agulha utilizada atualmente.

S.O.S. publicado em: 28/06/2002
Enviado por: João Luis (Guarulhos, SP)
Características do carro: Monza SL/E 1.8, 1985, álcool

Dúvida: antigamente, o meu carro era equipado com um carburador de corpo duplo do tipo BLFA mas, devido alguns problemas de vazamento, fui obrigado a substituí-lo. Como não encontrei o mesmo modelo, acabei substituindo-o por um 2E _juntamente com a troca do coletor. O problema atual é que ninguém consegue regular este carburador, as vezes ficando com excesso de combustível ou deixando o motor "amarrado".

Resposta do consultor técnico Luiz Yoshimura: João Luis, o carburador 2E funciona perfeitamente em seu carro. Faça uma revisão no mesmo, pois poderá haver algum defeito em seu interior. Outro ponto que me preocupa é a questão do coletor de admissão, o qual, se eu não me engano, existe uma diferença entre eles, justamente na furação em relação ao cabeçote. Faça uma comparação detalhada entre eles. Em todo o caso, posso lhe indicar a oficina Akira Auto Elétrica Ltda., localizada na Av. Emilio Ribas, 1660, Jd. Gopouva, Guarulhos, tel. (0xx11) 209-7205. Procure pelo meu amigo Akira que, com certeza, terá todas as condições técnicas e conhecimentos mais do que suficientes para resolver o inconveniente em seu veículo.

S.O.S. publicado em: 02/05/2002
Enviado por: Roberto Rega (São Paulo, SP)
Características do carro: Monza SL/E 1.8, 1986, álcool

Dúvida: para transformar a carburação simples para dupla, quais seriam as alterações necessárias? Haveria alguma melhora tanto no desempenho quanto no consumo?

Resposta do consultor técnico Luiz Yoshimura: normalmente, o Monza fabricado após junho de 1986 já vinha equipado com o carburador de corpo duplo _mas pode não ser o seu caso. Para se adaptar o carburador de corpo duplo será necessário a substituição do cabeçote, coletor de admissão, caixa do filtro de ar e o cabo do acelerador. O custo é um tanto elevado, mas a viabilidade dependerá do preço que você conseguir por essas peças e, também, avaliar as vantagens ou não de se investir no veículo. Muitas vezes, compensaria mais a substituição do próprio carro por um do mesmo ano equipado com carburador de corpo duplo. Em relação às vantagens, com certeza o carro ganhará torque em baixos regimes de rotação do motor, retomada de velocidade mais ágil, maior potência em alta rotação, além de uma pequena melhora no consumo.

S.O.S. publicado em: 11/04/2002
Enviado por: Alex Sandro Candido (Campos dos Goytacazes, RJ)
Características do carro: Monza SL/E 1.8, 1987, álcool

Dúvida: o carro, em um determinado momento, começa a perder força, sendo preciso tirar o pé do acelerador para ele não morrer.

Resposta do consultor técnico Luiz Yoshimura: Alex, isso pode estar acontecendo devido ao carburador estar esvaziando, ou seja, ele recebe menos combustível do que necessita. Verifique o nível da bóia do carburador, vazão da agulha, bomba de combustível, restrição no filtro de combustível ou no pescador do tanque, entrada de ar na mangueira que vai do tanque à bomba de gasolina, came de acionamento da bomba (comando de válvulas).

S.O.S. publicado em: 11/04/2002
Enviado por: Jefferson (Curitiba, PR)
Características do carro: Monza SL/E 2.0, 1987, álcool

Dúvida: a rotação do motor fica oscilando, principalmente quando se está trabalhando em marcha-lenta e, as vezes, chegando até a morrer.

Resposta do consultor técnico Luiz Yoshimura: a oscilação apresentada na marcha lenta, muito provavelmente, está sendo provocada em virtude de uma  infiltração de ar por algum ponto, seja no eixo ou base do carburador, seja pela junta do coletor de admissão ou até mesmo pelo servo-freio. Os demais problemas realmente estão no carburador. Procure pelo sr. Edson, na Mecânica Modelo, através do telefone (0xx41) 335-8688 / 9991-2046, o qual terá plenas condições de resolver o inconveniente.

S.O.S. publicado em: 07/02/2002
Enviado por: Carlos Antonio de Lara Resende (Belo Horizonte, MG)
Características do carro: Monza SL/E 1.8, 1984, álcool

Dúvida: meu carro está equipado com carburador Solex duplo 2E. Estou precisando do catálogo deste carburador, do desenho explodido e detalhes técnicos, tais como volume de injeção e especificações técnicas dos seus componentes.

Resposta do consultor técnico Luiz Yoshimura: Carlos, para a identificação do carburador, está faltando algumas informações, pois o mesmo deve ter sido adaptado em seu veículo, já que o Monza 1.8 ano 84 vinha originalmente equipado com carburador de corpo simples. Mesmo assim, eu lhe digo que existe uma grande dificuldade de se passar informações técnicas por e-mail, motivo pelo qual na maioria das vezes eu indico um local para se obter as respectivas informações. No seu caso, o ideal é entrar em contato com a Mendes Andrade - Informações Técnicas, localizada à rua Guaraiuva, 1568 - São Paulo/SP - CEP 04505-970 - telefone (0xx11) 5506-0526, falar com César. A Mendes Andrade confecciona um ótimo manual de carburadores onde constam todas as informações técnicas, principios de funcionamento, regulagens, calibrações, ilustrações e fotos explodidas de todos os carburadores nacionais e alguns importados.

S.O.S. publicado em: 07/02/2002
Enviado por: Marcelo Pallone Pagliarini (Araraquara, SP)

Dúvida: gostaria que me informassem para qual ano do Monza e para qual tipo de combustivel serve o carburador Brosol(Solex) H-35ALFA1, sendo que na caixa do mesmo existe uma etiqueta indicando o código 160.501 e no próprio carburador existe uma etiqueta com o número 94624742. Qual seria o valor médio deste carburador, estando na caixa e sem uso?

Resposta do consultor técnico Luiz Yoshimura: Marcelo, este carburador deve ser aplicado ao Monza 1.6 a gasolina, sendo que o mesmo deixou de ser fabricado há um bom tempo e, por isso, muito raro e até mesmo impossível de se encontrar no mercado. No entanto, devido ao baixo preço do veículo em questão, não se conseguiria vendê-lo por um valor real. Creio que, em média, entre R$ 350 a R$ 500.

 

Clique aqui para ler as próximas dúvidas/perguntas

 
Volta para página inicial Conheça o Monza Clube do Brasil Participe do Clube Confira a agenda do Monza Clube Mapa do site A maior montadora do país Um marco na indústria automobilística Parceiros do Monza Clube Shopping Fale Conosco

Monza Clube do Brasil - Todos os direitos reservados